RSS
 

Aliados (Allied)

Benedicto Ismael C. Dutra
06/03/2017



 Numa missão para eliminar um embaixador nazista na cidade de Casablanca, no Marrocos, o espião Max Vatan (Brad Pitt) salta de paraquedas no deserto para encontrar a também espiã Marianne Beausejour (Marion Cotillard). O cenário do filme Aliados (Allied) é o conturbado planeta Terra durante a Segunda Guerra Mundial com os exércitos de Hitler avançando pela Europa e África. Os dois protagonistas acabam se apaixonando um pelo outro e se casam.

Enquanto Max era meticuloso, atento e vigilante, Marianne tinha uma personalidade mais penetrante, uma convincente intérprete no palco da vida que sabia como jogar com palavras e sentimentos para atingir seus fins. Ambos dotados de grande frieza para atender os alvos visados, hábeis para encobrir suas reais intenções vivendo a falsidade como se fosse verdadeira. Max é objetivo e direto, Marianne tece um mundo fantasioso. Max pensa em ter uma forma de vida mais simples, afastada da bruteza quando a guerra terminar. Mas no século 21, de novo estamos diante da aspereza e falta de amor, os elementos que condicionaram a eclosão da guerra parecem estar despertando com nova cara. Não há mais nacionalismos. O comunismo, como era esperado, não poderia prosperar. Hoje predomina a ânsia por acúmulo de dinheiro e poder, mas as jogadas sujas poderão conduzir novamente na direção do abismo dos horrores das guerras.

Aqueles foram tempos cruéis de bombardeios e insegurança, em que a guerra era a motivação principal da vida instável, vazia de sentido e sem futuro, onde drogas eram consumidas e as paixões, desenfreadas. Com o passar do tempo, surgem suspeitas sobre uma conexão entre Marianne e os alemães. Intrigado, Max decide investigar o passado da companheira, o que abala seu relacionamento. Temerosa das consequências da mentira, a mulher não expõe ao marido o que está se passando. A falta da verdade é revelada para o homem que não pode acreditar no que lhe dizem sem que tenha evidências. A mentira vinga-se amargamente, pois diferentemente não poderia ser, e o amargor é transmitido através das telas. 
 



Benedicto Ismael Camargo Dutra é graduado pela Faculdade de Economia e Administração da USP, faz parte do Conselho de Administração do Prodigy Berrini Grand Hotel e é associado ao Rotary Club de São Paulo. É articulista colaborador de jornais e realiza palestras sobre temas ligados à qualidade de vida. É também coordenador dos sites www.vidaeaprendizado.com.br e www.library.com.br, e autor dos livros: “Nola – o manuscrito que abalou o mundo”;“2012...e depois?”;“Desenvolvimento Humano”; “O Homem Sábio e os Jovens” ,“A trajetória do ser humano na Terra – em busca da verdade e da felicidade”; e “O segredo de Darwin - Uma aventura em busca da origem da vida”(Madras Editora). E-mail: bicdutra@library.com.br; Twitter: @bidutra7
Enviar um Comentário:

Nome:
Email:
  Publicar meu email
Comentário:
Digite o texto que
aparece na imagem:

Vida e Aprendizado 2011.
Reproduçao total ou parcial do conteúdo deste site deverá mencionar a fonte.