RSS
 

O QUE PODEMOS FAZER?

Benedicto Ismael C. Dutra
13/02/2009



“Onde não se atua, nem a melhor profecia pode realizar-se!”

A vida adentrou num período de turbulência ainda mais forte. Em meio às dificuldades as pessoas se sentem desorientadas, não sabendo mais o que fazer. Deixaram o espírito enclausurado, adormecido, não ouvem mais a voz interior e no caos da semiconsciência não conseguem cuidar da própria vida com discernimento, provocando infortúnios ao seu redor. Muitos se deixam simplesmente levar pela onda. Outros se revoltam, procurando culpados. Alguns ainda procuram por respostas. O que podemos fazer? O que devemos fazer? O que nos falta fazer? Essa é uma reflexão que se impõe diante dos acontecimentos da atualidade.
 
Nas constantes divergências entre os seres humanos constatamos a fragmentação e a falta de coesão no entusiasmo arrebatador, encontrando-o esporadicamente, aqui e acolá em pessoas isoladas. Para aumentar a confiança mútua é necessário demonstrar o interesse em que todos alcancem uma vida melhor através da atuação em conformidade com as leis da Criação. Não podemos permitir que a união surja apenas por ocasião das grandes catástrofes e ameaças externas. As pessoas têm a necessidade de sentir que fazem parte de algo maior com vistas ao aprimoramento próprio e da Humanidade.
 
As pessoas foram levadas a acreditar que precisam gritar e mostrar poder para serem atendidas. Falta mais confiança mútua, falta espírito conciliador. A época exige a busca das metas comuns para que, no esforço conjunto, sejam vencidas as dificuldades. Gastar energia atacando outras pessoas não contribui em nada, apenas torna o problema insolúvel.
 
Necessitamos de incentivar o esforço criativo e alimentar as boas esperanças, então, repentinamente descobriremos no íntimo de nosso ser, forças insuspeitadas para evoluirmos.
 
As dificuldades tendem a aumentar, no entanto temos que buscar as soluções em cooperação, e para isso temos que unir as pessoas que aspiram por ideais, os iguais e os diferentes, pois a força aumenta com a integração. O passado não pode ser alterado, mas podemos, no presente, construir um novo futuro de paz e progresso. Juntos, com atitude cooperativa, sem temer pelas críticas, encontraremos as soluções. Temos de atuar com confiança na Luz, pondo em ação a força da vontade para agir em conformidade com as Leis da Criação, pois somente assim conseguiremos fortalecer a chama do entusiasmo pelo bem e o enobrecimento de tudo.



Benedicto Ismael Camargo Dutra é graduado pela Faculdade de Economia e Administração da USP, faz parte do Conselho de Administração do Prodigy Berrini Grand Hotel e é associado ao Rotary Club de São Paulo. É articulista colaborador de jornais e realiza palestras sobre temas ligados à qualidade de vida. É também coordenador dos sites www.vidaeaprendizado.com.br e www.library.com.br, e autor dos livros: “Nola – o manuscrito que abalou o mundo”, “O segredo de Darwin”,“2012...e depois?”;“Desenvolvimento Humano”; “O Homem Sábio e os Jovens” e “A trajetória do ser humano na Terra – em busca da verdade e da felicidade (Madras Editora)”. E-mail: bicdutra@library.com.br; Twitter: @bidutra7
Enviar um Comentário:

Nome:
Email:
  Publicar meu email
Comentário:
Digite o texto que
aparece na imagem:

Vida e Aprendizado 2011.
Reproduçao total ou parcial do conteúdo deste site deverá mencionar a fonte.